Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Ratt - Out Of The Cellar [1984]


As raízes do Ratt vem da cidade californiana de São Diego. O responsável pela fundação do grupo, ainda denominado Mickey Ratt, foi o vocalista Stephen Pearcy. Após várias formações e muita experiência, o nome Ratt foi assumido e todos os atuais integrantes da banda com exceção de Pearcy (Chris Hager, Matt Thorr, Dave Alford e o famoso Jake E. Lee) saíram para formar o Rough Cutt.

Stephen reformulou a line-up e, após alguns testes, se fixou com o já citado vocalista, a dupla de guitarristas Robbin Crosby e Warren DeMartini, o baixista Juan Croucier (também integrante do Dokken mas por pouco tempo) e o baterista Bobby Blotzer. A banda gravou um EP auto-intitulado em 1983 que teve boa repercussão para um lançamento independente e foi o responsável pelo contrato que assinaram com a poderosa Atlantic Records no mesmo ano para lançar o disco que trago-vos nessa postagem.

"Out Of The Cellar" foi lançado em 27 de março de 1984 e contou com a produção do renomado Beau Hill. É uma estreia de luxo do quinteto californiano, sendo um dos mais significantes (e um dos primeiros) discos lançados sob grandes gravadoras durante a "febre glam" que atingia, principalmente, a terra do Tio Sam.

Vale, por sinal, a observação de que a moça da capa é Tawny Kitaen, famosa por ter participado da maioria dos vídeo-clipes do Whitesnake lançados de 1987 a 1990. Na época, Tawny era namorada do guitarrista Robbin Crosby e, além de ter aparecido também na capa do EP auto-intitulado do ano anterior, marcou presença no clipe de "Back For More".

Do início ao fim, "Out Of The Cellar" empolga até defunto. Todas as canções são animadas, festeiras, levantam dignamente a bandeira do Hard Rock e contam com instrumentistas competentes que proporcionam riffs matadores, refrães cantaroláveis, cozinha de peso e belos solos, sem contar pela excelente voz de Stephen Pearcy.


Apesar de serem aliados ao mesmo gênero de bandas como o Mötley Crüe, apresentavam um som mais melódico, simples, pesado e com fortes influências de Judas Priest e Aerosmith, tanto no modo de composição quanto nos solos de guitarra, lembrando principalmente o Judas por conta do uso de harmonias "dobradas". Os flertes com o Heavy Metal são perceptíveis ao longo do play, mas nada que tire a farofa do prato, até porque, esses flertes são mais notáveis ainda nos lançamentos posteriores.

O sucesso comercial era inevitável pois "Out Of The Cellar" tem muita qualidade. O Ratt logo caiu na estrada com Ozzy Osbourne e Iron Maiden juntamente dos contemporâneos Twisted Sister e Mötley Crüe, saindo dos EUA em algumas ocasiões. Mas o sucesso estrondoso foi na terra natal, o que não é nada mau. Nas paradas gerais dos Estados Unidos, o single de "Round And Round" e o próprio álbum chegaram respectivamente às posições de número 12 e 7, além de conquistarem o disco triplo de platina por lá ao ultrapassarem as 3 milhões de cópias vendidas só por lá, sendo cerca de 2 milhões vendidas apenas no ano de 1984.

Dessa vez me sinto na obrigação de deixar os destaques, caso existam, para quem for comentar logo abaixo. Ao meu ver, o disco inteiro é um destaque, mantém o nível do início ao fim. Vale muito a conferida e o comentário do caro leitor!

01. Wanted Man
02. You're In Trouble
03. Round And Round
04. In Your Direction
05. She Wants Money
06. Lack Of Communication
07. Back For More
08. The Morning After
09. I'm Insane
10. Scene Of The Crime

Stephen Pearcy - vocal
Warren DeMartini - guitarra, backing vocals
Robbin Crosby - guitarra, backing vocals
Juan Croucier - baixo, backing vocals
Bobby Blotzer - bateria, percussão

(Links nos comentários - links on the comments)

by Silver

16 comentários:

Anônimo disse...

Out Of The Cellar [1984]
(51,1mb ~ 192kbps)

http://www.multiupload.com/EETWU6DL8Y

Hairbanger disse...

clássico absoluto, um dos 3 primeiros discos que ouvi na vida... graças a um amigo do meu pais que trouxe a preciosidade em k7 dos EUA. Esse foi o disco que me apresentou ao todo o cenário farofa, e o que me fez esquecer de uma vez por todas meu antigos CD's de bandas como Pearl Jam, Nirvana, Alice In Chains, Ramones, Sex Pistols e Clash (tirando o ramones, sex e aic, o resto realmente nunca mais ouvi) uahauhauaahuah

acho q vou baixar soh pra ficar ouvindo no pc... clássico absoluto, parabéns!

Anônimo disse...

Clássico absoluto. Que saudade daquela época. Tenho o vinil que (por milagre) foi lançado por aqui. Agora vou baixar para ouvir a versão digital. Qualidade é uma das características da banda e o Ratt deixou bem claro neste álbum o que seria toda a sua carreira até os dias de hoje.

Al Bass Player
Curitiba

Frank disse...

me desculpa, mas eu acho essa banda mto chatinha. não consegui gostar de nenhuma música. =/

dnlz disse...

Ratt é foda , hoje em dia eugosto mais do que eu gostava na época em que saiu, esse album . As vezes tenho a sensação que o Ratt é mais popular no Brasil do que o Motley. O vocal dobra a voz em todas as músicas , na época eu achava estranho , mas hoje eu adoro esse vocal . E na boa apesar de não ser desse album a música Lay it down, o Riff dela é um dos riffs mais emblemáticos da época . Bandassa , as vezes não se gotsa na primeira ouvida , mas depois é viciante .
Valeu bro!!

Silver disse...

Tudo bem Frank, Deus irá te perdoar... :P

ZORREIRO disse...

Twisted Sister é banda da Sunset Strip? Sempre pensei que eles eram de Nova Iorque.

Silver disse...

Esse conceito é um tanto quanto relativo, ao meu ver. Eu considero uma banda de Sunset Strip tanto pela sonoridade quanto pelo fato de terem ganhado reconhecimento por lá.

Há quem considere até Lita Ford uma artista de Sunset Strip, mesmo sendo de Londres. Mas eu editarei o texto pra que não haja controvérsias.

jantchc disse...

mais uma vez convencido pela resenha..

baixando..

depois eu deixo minha opinião...

Anônimo disse...

quem não viveu os anos 80 tem uma grande oportunidade agora de ouvir o que se produzia naquela epoca.muitas saudades...

Eric Carr (The Fox) disse...

aew vim aqui dá uma força pro melhor Blog que tem ae...

RATT - Infestation 2010


novo álbum do RATT mt foda galera vale a pena o download...

posta ae no blog o link do cd ...

http://www.mediafire.com/?owmcyzojd0o


grato ae galera...


by: Douglas Giovanni

abraz galera...

glen disse...

Silver sempre com uma obra prima do hard-rock, VLW

Anônimo disse...

O RATT É UMA DAS MINHAS BANDAS PREFERIDAS, PRINCIPALMENTE OS 3 PRIMEIROS ALBUNS (LP'S QUE AINDA GUARDO AQUI EM CASA) , MAS NÃO TENHO O DE 1988, SERIA POSSÍVEL POSTÁ-LO...VALEU!!!!!!

Eduardo Paiva disse...

O Ratt é uma das minhas bandas favoritas, e esse álbum, além de ser o maior sucesso deles, também é o meu predileto! \,,/

Luiz Jordanes disse...

Uma das minhas Bandas favoritas desde o início dos anos 80...Mas infelizmente a Banda não teve reconhecimento algum no Brasil..devido ao radicalismo idiota da época..fazer o que???..Esse Álbum é fantástico...Robbin Crosby lives forever

Luiz Jordanes disse...

Uma das minhas Bandas favoritas desde o início dos anos 80...Mas infelizmente a Banda não teve reconhecimento algum no Brasil..devido ao radicalismo idiota da época..fazer o que???..Esse Álbum é fantástico...Robbin Crosby lives forever