Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

segunda-feira, 28 de junho de 2010

W.A.S.P. - Live In Charleroi, Belgium (The Crimson Idol Tour) [2007]


Pouco após a saída de Chris Holmes, em 1989, o W.A.S.P. teria seu breve fim. O líder Blackie Lawless, já sem nenhum integrante da formação "clássica", decidiu acabar com o grupo e investir em uma carreira solo. O conceitual "The Crimson Idol" seria sua estreia como solista, mas acabou sendo lançado sob o nome do grupo, marcando sua volta.

O play, considerado por muitos fãs o melhor da carreira dos pervertidos sexuais, teve sua merecida turnê mundial apenas 15 anos depois de seu lançamento, onde todas as faixas foram tocadas em sequência.

A pepita que trago-vos nessa postagem é pertencente a essa turnê. Após vasculhar vários arquivos da mesma, esse áudio foi o melhor que achei. Apesar de não ser uma gravação soundboard, se assemelha bastante a uma, com todos os instrumentos perfeitamente audíveis, sem chiados ou cliques, e um bom volume.

O concerto em questão aconteceu no Le Coliseum da cidade de Charleroi, Bélgica, no dia 14 de dezembro de 2007 - uma das últimas datas da turnê, que encerraria 8 dias depois. Da line-up que gravou o álbum 15 anos atrás, apenas Blackie Lawless está lá, enquanto tem-se o guitarrista Doug Blair, o baixista Mike Duda e o baterista Mike Dupke para completar o W.A.S.P.


Não existem dúvidas que essa formação é a mais competente no quesito musical que já tocou com Lawless ao vivo - e este todos sabem que dispensa quaisquer elogios. Só de tocarem o "The Crimson Idol" na íntegra, um álbum com instrumental rebuscado e repleto de nuances trabalhadíssimas, já merecem todo o respeito. A performance, impecável e muito semelhante ao que é apresentado no full-length, tirou inspiração do fundo da alma dos caras, principalmente de Dupke, que estraçalhou com viradas incríveis. E a dupla Blair/Duda definitivamente não fica atrás.

O repertório, além de contar com o disco na íntegra, contou com diversos encores ao longo da tour. Aqui o encore ficou por conta das clássicas "L.O.V.E. Machine", "Wild Child" e "Blind In Texas", e da recém-lançada porém excelentíssima "Take Me Up".

Quem já ouviu o play que foi tocado aqui na íntegra, entende quando diz-se que não existem destaques em um concerto como esse. Vale muito a pena conferir essa raridade!

01. The Titanic Overture
02. The Invisible Boy
03. Arena Of Pleasure
04. Chainsaw Charlie (Murders In The New Morgue)
05. The Gypsy Meets The Boy
06. Docter Rockter
07. I Am One
08. The Idol
09. Hold On To My Heart
10. The Great Misconceptions Of Me

Encore:
11. L.O.V.E. Machine
12. Wild Child
13. Take Me Up
14. Blind In Texas

Blackie Lawless - vocal, guitarra, violão
Doug Blair - guitarra, backing vocals
Mike Duda - baixo, backing vocals
Mike Dupke - bateria

(Links nos comentários - links on the comments)

by Silver

6 comentários:

Anônimo disse...

Live in Charleroi, Belgium [2007]
(75,2mb ~ 128kbps)

http://www.multiupload.com/ZD1GIP9E9L

Anônimo disse...

fodão!! baixando!

Marcelo disse...

Perfeito

hellbear disse...

Maravilha de post! Há tempos procuro alguma coisa dessa tour de 15 anos do Crimson Idol!

Valeu mesmo!

Combe Rocks \,,/

Eduardo "Burn in Hell" disse...

Disparado o disco mais Phlorida do WASP. Perfeito do inicio ao fim. Ao vivo com uma outra formação deve ser qualquer coisa de surpreendente. Obrigado pelo excelente post. Abraços.

Anônimo disse...

Blackie Lawless, my idol!