Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Def Leppard - Euphoria [1999]


A metade da década de 1990 foi muito difícil para o Def Leppard. O álbum Slang, cheio de referências estranhas ao que a banda vinha fazendo em seus multiplatinados trabalhos recentes, causou certo afastamento da base de fãs. As vendas ficaram em torno de dois milhões de cópias. O que hoje seria um sucesso estrondoso foi um fracasso para a época, especialmente considerando que os discos anteriores chegaram a marcas, no mínimo, cinco vezes maior – se compararmos com o megaclássico Hysteria, chega a ser constrangedor. Nessa época o quinteto tocou no Brasil pela primeira e, até hoje, única vez. O show do Rio de Janeiro contou com o ridículo público de 250 pessoas.

Era hora de voltar a fazer aquilo que sempre soube de melhor. Para isso, o grupo contou com a ajuda do seu velho mentor musical, John ‘Mutt’ Lange, que não chegou a produzir o álbum inteiro, mas deu uma bela força a seus amigos desde o processo de composição, participando ativamente da autoria de três faixas, além de gravar alguns backing vocals. Pete Woodrofe completou o trabalho. Apesar de não possuir a mesma força de seus momentos mais gloriosos, Euphoria resgata o bom e velho Hard Rock melódico com riffs e refrões pegajosos, fórmula que colocou o leopardo surdo entre as maiores bandas de sua geração.



Para mostrar que não estava de brincadeira, a banda abre o álbum com “Demolition Man”, som agitado e com as guitarras em evidência. Falando nas seis cordas, a curiosidade fica para o solo final da música, executado por ninguém menos que o ex-campeão mundial de Fórmula 1, Damon Hill. Na seqüência, o grande hit do disco, a ótima “Promises”. Com seu riff que lembra demais o de “Top of the World”, do Van Halen, é daquelas canções que simbolizam o Def Leppard, com os coros melódicos, um refrão viciante e o solo matador de Phil Collen. Ainda entre as pesadas, destaque para a maravilhosa “Paper Sun” (o que Phil e Vivian Campbell fazem nessa aqui é fora de série) e a esperançosa “Kings of Oblivion”, que fecha com chave-de-ouro.

Mas é claro que não poderia ser um play da banda de Joe Elliott sem as baladas. A mais conhecida é “Goodbye”, com uma letra capaz de emocionar até quem possui um coração de pedra. É inevitável ouvi-la e não lembrar alguém que já se foi, fisicamente ou não. “It’s Only Love” tem um formato simples e é a mais Pop com sobras. A melancólica “To Be Alive” fecha a trinca das lentas com classe. A mid-tempo “Guilty” é uma espécie de irmã mais nova de “Hysteria”, fazendo com que o ouvinte seja transportado para a era de maior sucesso comercial do grupo.



Euphoria vendeu cem mil cópias nos Estados Unidos apenas na semana de lançamento, atingindo a décima-primeira posição na parada da Billboard. Da mesma forma, “Promises” foi o single mais executado nas paradas Rock tanto da terra do Tio Sam quanto do Reino Unido. Além desses dois territórios, o álbum atingiu disco de ouro também no Japão e no Canadá.

Joe Elliott (vocals)
Phil Collen (guitars)
Vivian Campbell (guitars)
Rick Savage (bass)
Rick Allen (drums)

01. Demolition Man
02. Promises
03. Back in Your Face
04. Goodbye
05. All Night
06. Paper Sun
07. It’s Only Love
08. 21st Century Sha-La-La-La Girl
09. To Be Alive
10. Disintegrate
11. Guilty
12. Day After Day
13. Kings of Oblivion

Link nos comentários
Link on the comments


JAY

8 comentários:

Anônimo disse...

Def Leppard – Euphoria [1999]

70 MB
192 kbps

http://www.mediafire.com/?1lrwo65fvuqmsb1

Carlos Sugawara disse...

totalmente excelente!!!!

valeu demais!

tks

abç

Anônimo disse...

vou conferir, mas se tratando de leppard, vai ser bom.
Valeu ai pessoal da combe

Eduardo Paiva disse...

Leppard, uma das minhas bandas favoritas!
Hard de primeira!
Valeu COMBE!

Weschap Coverdale disse...

DEF LEPPARD LLL!

Tudo que envolve eles é excelente!

Anônimo disse...

Bom disco, mas ainda muitíssimo distante dos classicos do Def (High'n'dry e Pyromania)... gostaria que o pessoal do blog revisasse o link pois ao baixar aparece pra gente um arquivo compactado em nome de Jeff Paris!!!!! quando a gente acaba a descompactação é que mostra o nome Def Leppard...

ZORREIRO disse...

250 pessoas é pra fechar o bolicho

Anônimo disse...

Mesmo que os outros discos tenham sido melhores, 250 pessoas é... constrangedor pra uma banda do nível da Def