Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Iron Maiden - Raising Hell [1993]


Aproveitando que a Donzela de Ferro anunciou sua nova turnê essa semana, incluindo datas em seis cidades brasileiras – número recorde entre todas as suas passagens pelo país, como deixamos claro na Van do Halen, que acompanhou a divulgação em cima do lance – vamos trazer um dos momentos mais marcantes e tensos da história da banda. EDIT: Informação exclusiva da Van - sétima data anunciada!

Filmado no Pinewood Studios, em Londres, Raising Hell foi o ultimo show do Iron Maiden com Bruce Dickinson nos vocais até o seu retorno, seis anos mais tarde. A apresentação foi transmitida ao vivo em sistema pay-per-view para toda a América do Norte. Mais tarde, foi comprada pela britânica BBC e exibida de maneira editada em vários países, inclusive o Brasil, que assistiu na Rede Bandeirantes – que mostrou vários shows bacanas na primeira metade da década de 1990. Contando com a participação especial do ilusionista especializado em números de terror, Simon Drake, o concerto envolveu uma superprodução desenvolvida especialmente para a ocasião.


Entre os truques realizados por Drake com seus assistentes, estava Dave Murray tendo suas mãos decepadas e Bruce sendo assassinado no final do show – algo que os outros membros da banda gostariam de fazer de verdade naquele momento. Apesar de serem bem interessantes do ponto de vista dramático, as atrações do ilusionista acabavam quebrando demais o ritmo do concerto, tornando tudo um tanto quanto cansativo. É legal assistir uma, duas, quiçá três vezes. Mas depois vai ficando chato de rever – a não ser que você seja um fanático por esse tipo de truque. Portanto, aqui vai um arquivo de áudio apenas com o que realmente interessa, ou seja, as músicas executadas pelo quinteto.

De cara, podemos notar que uma acusação feita por Steve Harris à época era pra lá de verdadeira. Dickinson não estava se esforçando tanto quanto o resto do grupo, o que fica claro em algumas linhas vocais pra lá de desleixadas. Menos de um ano mais tarde ele estava soltando a garganta em sua carreira-solo como nos velhos tempos. Da mesma forma, ouvir Janick Gers reproduzindo alguns solos de Adrian Smith pode fazer com que os mais conservadores tenham vontade de largar de mão. Mas são pormenores para quem realmente tem a curiosidade de ouvir uma das maiores bandas da história em um momento que seria divisor de águas, encerrando sua fase mais gloriosa.



Destaques para a sempre espantosa “The Evil That Men Do” (com Simon Drake introduzindo) e “The Clairvoyant”, fazendo a dobradinha de Seventh Son logo de cara. “From Here to Eternity” teve sua parte pós-primeiro refrão até solo tocada apenas com Janick na guitarra, enquanto Dave era ‘mutilado’. A trinca que fecha o show, com “Sanctuary”, “Run to the Hills” e “Iron Maiden” deixa a platéia em êxtase. Nessa, o vocalista se despede de maneira diferente do usual, acrescentando um ‘from myself, Bruce Dickinson’ à tradicional saudação de encerramento. Na seqüência, foi morto – de brincadeirinha, é claro.

Bruce Dickinson (vocals)
Dave Murray (guitars)
Janick Gers (guitars)
Steve Harris (bass)
Nicko McBrain (drums)

01. Be Quick or Be Dead
02. The Trooper
03. The Evil That Men Do
04. The Clairvoyant
05. Hallowed Be Thy Name
06. Wrathchild
07. Transylvania
08. From Here to Eternity
09. Fear of the Dark
10. The Number of the Beast
11. Bring Your Daughter... to the Slaughter
12. 2 Minutes to Midnight
13. Afraid to Shoot Strangers
14. Heaven Can Wait
15. Sanctuary
16. Run to the Hills
17. Iron Maiden

Link nos comentários
Link on the comments


JAY

10 comentários:

Anônimo disse...

Iron Maiden – Raising Hell [1993]

143 MB (duas partes – baixe ambas para descompactar)
256 kbps

Parte 1 -> http://www.mediafire.com/?41q7dxam3muy6gs
Parte 2 -> http://www.mediafire.com/?78yvoei59y3f035

Anônimo disse...

Nossa.. pode crer.. pasou na Band... saudosimos total!!
Valeu pelo post!

Fábio disse...

Pior do que a saída do Dickinson foi a saída do Adrian Smith e entrada do Janick Gers ... e até hoje não entendo como esse malabarista disfarçado de guitarrista ainda está no Iron Maiden deoius da volta do Smith

Anônimo disse...

Esse show é animal! Mas as partes "mágicas" realmente enchem o saco.

E não xinguem o Gers não, o cara que segurou a banda junta quando todo mundo estava de saco cheio e queria debandar. Deixa ele lá fazendo malabarismo e escrevendo as musicas dele.

Leandro disse...

cara eu amo esse show
cresci curtindo ele em k7 e não achava de jeito nem um em mp3
oss valew galera
a combe sempre demais^^

GrassHoper disse...

Apesar dos pesares gostei muito dessa turnê "final" do Bruce, o set-list tava bem escolhido e a perfomance, pelo menos instrumental - o vídeo traz uma mostra disto (ahh, e perfomance vocal também era demais: Bruce até mesmo sem fazer força já faz um estrago considerável). Um ótimo registro que vai na linha dos oficiais 'A Real Dead' e 'A Real Live One', ou seja Maiden afiado a torto e à direito!

Grande post

jullecosta disse...

Tenho vários shows dessa turnê (em dvd) Considero uma das maiores e melhores tur de todos os tempos.Agora vou baixar raising hell em mp3 e curtir ao som de 1000 rms.Valeu combe....

Anônimo disse...

Lembro que eu era mlkinho e meu irmão pegou a fita com esse show emprestado. A gente assistiu e eu fiquei com o maior medo quanto o Simon Drake corta as mãos do Dave Murray! hahahaha!

Guilherme disse...

Cara, parabéns pelo Blog, não conhecia. Achei coisas maravilhosas por aqui. Valeu.

gollum30 disse...

Gostaria de saber o nome da musica de fundo deste video,enquanto o Simon Drake faz as magicas.

Iron maiden Raising hell speaker trick.