Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Stan Bush - Dream The Dream [2010]


Talvez o nome Stan Bush, de maneira isolada, não lhe diga muita coisa. Mas quem já assistiu vários dos enlatados que passam freqüentemente na Sessão da Tarde/Temperatura Máxima/Cinema em Casa, com certeza já ouviu algo com a voz do cidadão. Não são poucas as produções cinematográficas que contaram com a participação de Stan na trilha sonora. A mais famosa, curiosamente, vem da versão animada de Transformers, onde o grande sucesso “The Touch” (regravado pela trilionésima vez aqui) foi imortalizado. Agora, ele volta com seu décimo - primeiro trabalho, Dream the Dream, mais um disco que cairá no gosto dos fãs de AOR/Melodic Rock.

Desde o início, com “Never Hold Back”, já podemos notar que a tônica serão os refrãos marcantes e as melodias fáceis. “I’m Still Here”, apesar de agitada, tem uma letra e um andamento bem melancólicos. A quase balada “Don’t Give Up On Love” é uma das melhores, daquelas que se ouve uma vez e não esquece mais. “Two Hearts” traz aquela sensação de déjà vu inevitável, o que nesse caso, não soa de maneira pejorativa, pois o som é dos bons. Quando começa a bela “In My Life”, você já começa a imaginar algum astro de Hollywood passando por um momento de reflexão lá pelo meio do filme. Outro ponto alto surge na sexta faixa, “Love is the Road”. Performance irrepreensível de Stan nos vocais, emocionando a cada nota. Dá até para imaginar a platéia cantando sozinha o “nanana” do final.



“If This is All There is” é aquele AOR que começa na manha e vai crescendo com o passar da canção. A música que dá título ao trabalho é um show à parte. Cadenciada e com um clima marcado por fantásticas passagens de teclado, não dá para passar incólume por ela. A melódica e agitada “More Than A Miracle” traz backing vocals caprichados ao fundo, dando um clima diferenciado. “Your Time” chega a lembrar um pouco o Van Hagar fase 5150/OU812. Encerrando o tracklist normal, “All That I Am” soa um tanto quanto manjada no começo – aquela passagem de teclado já ouvi em trezentos lugares – mas vai ganhando corpo em seu desenvolvimento, especialmente pela bonita interpretação de Stan. A pisada no tomate fica por conta da já citada regravação para “The Touch”, bem abaixo da original.

Na banda que acompanha Bush na gravação, vale citar a participação do respeitado Matt Bissonette, irmão da lenda da bateria, Greg. Outro relativamente conhecido é o baterista Matt Laug, com passagem pelo Slash’s Snakepit. Dream the Dream não é um álbum recomendado para quem quer escutar um Rock com mais ênfase no peso. Mas aqueles que são adeptos das melodias viciantes, podem conferir sem medo.

Stan Bush (vocals)
Holger Fath (guitars, keyboards)
Matt Bissonette (bass)
Matt Laug (drums)

01. Never Hold Back
02. I’m Still Here
03. Don’t Give Up on Love
04. Two Hearts
05. In My Life
06. Love Is The Road
07. If This Is All There Is
08. Dream The Dream
09. More Than a Miracle
10. Your Time
11. All That I Am
12. Sam’s Theme (The Touch)

Link nos comentários
Link on the comments


JAY

6 comentários:

Anônimo disse...

Stan Bush – Dream The Dream [2010]

118 MB
320 kbps

http://www.mediafire.com/?d9ntnn6c6d7y3n2

Anônimo disse...

Obrigado!

ZORREIRO disse...

Mas que beleza de AOR!!!
Não conhecia esse disco. Muito obrigado [2]

Anônimo disse...

Arigatô!

jim_peterik disse...

banda muito legal.
AOR de primeira, detonou.
Valeu pela postagem.

Gus disse...

baixando pra conferir!! valeu combe

\m/