Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

domingo, 22 de maio de 2011

Sodom – One Night In Bangkok [2003]


Ao contrário do que manda o senso comum, o Sodom ousou ao escolher o local para a gravação do terceiro álbum ao vivo de sua carreira. Em vez de um grande centro metálico mundial, um festival de proporções enormes, resolveu homenagear os fãs de Bangkok, na Tailândia, onde já haviam tocado anos antes, sendo uma das poucas bandas do ocidente a se aventurar por lá. O local era o minúsculo Hollywood Club, com capacidade para pouco mais de mil pessoas. Mas a energia era suficiente para oferecer um memorável registro, digno de uma das representantes do trio de ferro do Thrash Metal germânico – não, não há Big 4 por lá, ao contrário do que tentaram vender como matéria de capa recentemente.

Divulgando o álbum M-16, Tom Angelripper e seus asseclas montaram um setlist que passeava por toda a história do grupo. E o principal, mostraram porque essa formação era uma das melhores, conservando a pegada fulminante das versões originais. Aliás, é importante citar que apesar de estarmos falando sobre uma referência moral do Thrash, o Sodom não ficou preso ao passado, gravando até hoje grandes discos. Basta uma pequena escutada em sons recentes, como “Among The Weirdcong”, “The Vice Of Killing”, “Code Red”. “Napalm In The Morning” e a fantástica “I Am The War” para constatar o poder de fogo.



E o que dizer de quando o bicho pega pra valer, em hinos como “Blasphemer”, “Agent Orange”, “Remember The Fallen”, “Sodomy and Lust” e “Witching Metal”? Onkel Tom ainda mostra que agüenta o tranco e despeja agressividade nos vocais com o mesmo poder de outrora. Um convite para transformar a audição em agressividade sonora, mesmo que seja sozinho em seu quarto (cuidado com a mobília nesse momento). Também há espaço para uma versão arrasadora para “Ace Of Spades”, de vocês sabem quem. Sim, é uma escolha um tanto quanto óbvia, mas ainda vale a pena, especialmente para lembrar quem teve papel fundamental ao influenciar toda uma cena.

Fugindo do protocolo habitual, o Sodom acertou a mão e ofereceu a seus fãs, simplesmente, um dos melhores discos ao vivo da história do Thrash Metal. Duvida? Baixe e comprove com seus próprios ouvidos! Só não esqueça do remedinho anti-torcicolo.

Tom Angelripper (bass, vocals)
Bernemann (guitars)
Bobby (drums)

CD 1

01. Among The Weirdcong
02. The Vice Of Killing
03. Der Wachturm
04. The Saw Is The Law
05. Blasphemer
06. Sodomized
07. Remember The Fallen
08. I Am The War
09. Eat Me!
10. Masquerade In Blood
11. M-16
12. Agent Orange
13. Outbreak Of Evil

CD 2

01. Sodomy And Lust
02. Napalm In The Morning
03. Fuck The Police
04. Tombstone
05. Witching Metal
06. The Enemy Inside
07. Die Stumme Ursel
08. Ausgebombt
09. Code Red
10. Ace Of Spades
11. Stalinhagel

Links nos comentários
Links on the comments


JAY

7 comentários:

Anônimo disse...

Sodom – One Night In Bangkok [2003]

192 kbps

CD 1 (68 MB) -> http://www.multiupload.com/JEUNZFRJD0

CD 2 (67 MB) -> http://www.multiupload.com/1HYYEIPGZX

Silver disse...

"Thrash Metal germânico – não, não há Big 4 por lá, ao contrário do que tentaram vender como matéria de capa recentemente."

Roadie Crew feelings.

Sodom é muito competente. Som brutal e baita energia ao vivo.

Jay disse...

Eu acho o Tankard uma banda bem bacana, mas tem que ser muito lunático para colocar eles no mesmo nível de Sodom, Kreator e Destruction - especialmente em termos de popularidade.

FabioMK66 disse...

Essa banda é maravilhosa!

Não tenho palavras para descrever o quanto sodom é foda , pois a banda tem uma discografia impecavel. Esse play postado é matador !!!

Essa é uma banda que não poderia faltar em um blog como a Combe. Seria muito bom se postassem albums de estudio do sodom , afinal todos os discos são sensacionais.

Willian disse...

O "Big 4" americano fica envergonhado perante tal banda germânica...

alexandre dirkschneider disse...

a banda e du caralhoooo..

Thiago disse...

Thrash metal germânico é sempre uma boa pedida. Não conheço Sodom. Vou baixar e conferir \o/