Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Skid Row - Slave To The Grind + Demos [1991]


Alguns criticam "Slave To The Grind" por mudar a orientação do Skid Row no que diz respeito à sua sonoridade (Hard Rock oitentista com um pouco mais de peso, mas nada que sobresaísse aos padrões) - crítica nem sempre infundada porque, além do álbum ter sido um baita sucesso, reserva vários petardos de sucesso como "Wasted Time" (minha preferida de toda a carreira da banda), "Monkey Business" e "In A Darkened Room", bem como não realiza uma fuga tão discrepante do estilo do primeiro play do grupo.

Nessa postagem, trago-vos o excelente full-length e, como bônus, algumas demos das gravações do mesmo. Divirtam-se!

Slave To The Grind [1991]

Lançado em junho de 1991, "Slave To The Grind" é o segundo trabalho do Skid Row, agora amadurecido e definitivamente com estilo próprio. Há uma pitada mais generosa de Heavy Metal no trabalho, mas nada que ofuscasse o Hard Rock misturado com Punk Rock de sempre da trupe de Nova Jérsei.

O trabalho realizado, de uma forma geral, é de se tirar o chapéu: melodias impactantes, peso mais do que saudável, vocais enfurecidos, cozinha e composições elaboradíssimas, linhas de guitarra fantásticas e ótima produção. Som de primeiríssima qualidade, consolidando-se facilmente como um clássico do Hard n' Heavy.

A recepção foi melhor do que se esperava: mesmo com a decadência do Hard Rock oitentista, o disco figurou em primeiro lugar nas paradas americanas, vendendo mais de 4 milhões de cópias até os dias de hoje, bem como emplacou as canções já citadas nas rádios e rendeu uma turnê lucrativa em divulgação ao play.

Ao meu ver, além das canções já citadas, destacam-se as pesadas "Livin' On A Chain Gang" e "Slave To The Grind" (a música), a hardeira "Riot Act", a crua "Psycho Love" e a balada "Quicksand Jesus".

Caro leitor, confira sem medo de ser feliz!

01. Monkey Business
02. Slave To The Grind
03. The Threat
04. Quicksand Jesus
05. Psycho Love
06. Get The Fuck Out
07. Livin' On A Chain Gang
08. Creepshow
09. In A Darkened Room
10. Riot Act
11. Mudkicker
12. Wasted Time

Sebastian Bach - vocal
Scotti Hill - guitarra
Dave "The Snake" Sabo - guitarra, backing vocals
Rachel Bolan - baixo, backing vocals
Rob Affuso - bateria, percussão

(Links nos comentários - links at the comments)


Slave To The Grind Demos [1991]

Raridade na área! Esta é uma compilação de demos e outtakes sem mixagem de "Slave To The Grind". Além das versões para canções que estão no play, tem-se "Going Down", que só saiu na coletânea "40 Seasons" sob o título "Fire In The Hole", a outtake "Beggar's Day" que saiu na versão censurada do disco no lugar de "Get The Fuck Out" e a inédita "You And Me".

De resto, o esperado: faixas do play principal, sem a notável produção e com um andamento mais lento. Enfim, também vale a conferida.

01. Monkey Business
02. Slave To The Grind
03. Livin' On A Chain Gang
04. Mudkicker
05. Beggar's Day
06. Wasted Time
07. Psycho Love
08. Going Down
09. You And Me
10. Creepshow

Sebastian Bach - vocal
Scotti Hill - guitarra
Dave "The Snake" Sabo - guitarra, backing vocals
Rachel Bolan - baixo, backing vocals
Rob Affuso - bateria, percussão

(Links nos comentários - links at the comments)

by Silver

4 comentários:

Anônimo disse...

Slave to the Grind [1991]
(78,1mb ~ VBR 192-320kbps)
http://www.multiupload.com/HCU6ZUBGFW

Slave To The Grind Demos [1991]
(38,8mb ~ 128kbps)
http://www.multiupload.com/94801G7N4U

arthur disse...

sebastian bach 4ever. overdrive do caralho

Anônimo disse...

Ainda quero Esse disco ORIGINAL!
Vlw boa postagem

Anônimo disse...

Show de bola! Discão!