Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

sábado, 14 de agosto de 2010

Beck, Bogert & Appice - Beck, Bogert & Appice [1973]

Em 1969, Jeff Beck já era um dos maiores guitarristas da explosiva cena do blues britânico. Famoso mais pela sua técnica impressionante do que por sua personalidade difícil, Beck já havia feito grande sucesso com o Yardbirds e lançado alguns poucos e bons álbuns com o Jeff Beck Group. Naquele ano ele estava acertando o contrato com dois novos músicos para sua carreira solo: Tim Bogert e Carmine Appice.

Os dois tocaram juntos no Vanilla Fudge. Tim Bogert era um baixista conhecido no meio musical por seus poderosos solos nas quatro cordas. Carmine Appice (irmão mais velho de Vinny) já fazia a cabeça de bateristas mais novos, como John Bonham e Neil Peart, com seu estilo influenciado pelo jazz de Buddy Rich e Gene Krupa.

Mas todos os planos foram adiados quando, em dezembro daquele ano, Beck sofreu um acidente de carro. Enquanto o guitarrista se recuperava, Bogert e Appice formaram o Cactus.

Dois anos depois, finalmente, o trio pode se reunir. Depois de um ano como Jeff Beck Group, finalmente trocou de nome para Jeff, Bogert & Appice e começou a trabalhar no álbum homônimo.

Álbum esse que é mais um na insuperável safra que foi o começo dos anos 70. A receita é essa: blues rock virtuoso e criativo. Bogert contribui com linhas incríveis, transformando qualquer base em uma aula de baixo com muito groove. Quanto a Appice, é realmente difícil de acreditar no que ele faz aqui. A técnica do baterista se sobressai em todo o play, e fica claro porque ele é tão influente. E é em cima dessa cozinha perfeita que Jeff Beck passeia livremente, mostrando tudo que sabe em solos de pegada invejável.

Destaque para "Black Cat Moan" e "Lose Myself With You" e o trabalho de Beck em cada uma com slide e wah-wah, respectivamente. O virtuosismo de Bogert e Appice fica gritante em "Why Should I Care" e na inacreditável "Lady". O único sucesso considerável do álbum foi "Superstition" clássico de Stevie Wonder em uma de suas melhores versões. Na minha opinião, a melhor já feita.

Durante as gravações do segundo disco, Jeff Beck inesperadamente deixou o trio. Então esse é o único registro de estúdio de Beck, Bogert & Appice. Mas é um play fantástico de blues rock de rara técnica e pegada. Vale o download.

01. Black Cat Moan
02. Lady
03. Oh, To Love You
04. Superstition
05. Sweet Sweet Surrender
06. Why Should I Care
07. Lose Myself With You
08. Livin' Alone
09. I'm So Proud

Jeff Beck - guitarra e vocais
Tim Bogert - baixo e vocais
Carmine Appice - bateria e vocais

Jimmy Greenspoon - piano
Duane Hitchings - piano, mellotron
Danny Hutton - vocais de apoio

LINKS NOS COMENTÁRIOS

LINKS ON THE COMMENTS

Jp

10 comentários:

Anônimo disse...

Beck, Bogert & Appice [1973]

http://www.4shared.com/file/eLCWpMME/BBA_Jp.html

Hairbanger disse...

eh instrumental esse disco ou nem?

Carlos Sugawara disse...

meo Deosss!!!!

God bless a combe do iommi truta!

valeu!

Jp disse...

Não, os três revezam os vocais
já arrumei o line-up

jantchc disse...

gosto pra caramba do appice..

e como todo mundo fala q o beck é foda eu to baixando pra conferir...

valeu

Dragztripztar disse...

Muito foda, cara... mas só tem um probleminha, dá pra notar q apenas um do trio ai tem um bom vocal, creio q seja o Bogert, e algumas músicas por mais fantásticas q sejam são ofuscadas por vocais sofríveis.
Mas isso não chega a atrapalhar tanto, pq isso dai é talento puro, a espontaneidade e malícia dos caras é coisa do outro mundo.
Faz tempo q eu não escuto esse disco e nem tenho ele aqui no pc, vou baixar pra matar a saudade.
Minha música preferida desse disco é o cover do Stevie Wonder, tem até vídeo no youtube pra quem quiser conferir.

E é mais do q certo q qualquer trabalho q envolva um desses 3 caras seja sinônimo de grande qualidade.
Bogert e Appice tbm tocaram junto no Vanilla Fudge.
E Cactus é uma das bandas mais 'porrada' da década de 70.

Ótimo post... continue disseminando mais pérolas desse nível e dessa época aqui na Combe.

Anônimo disse...

Sempre ou vi sobre...
agora vou ouvir.. e opinar..
valeu pelo post!

Isaac disse...

estava procurando há tempos este play! Valeu Combe!

Alexandre disse...

Sou suspeito pra falar do Jeff Beck, pois bem comentarei sobre o Appice...Monstro!!! Tive a oportunidade de ver o show do Michael Schenker mês passado e o cara debulhou na batera superando minhas espectativas, sabia que o cara é bom, mas me surpreendi positivamente. Vale ressaltar o otimo play que ele gravou com o Blue Murder. Ótimo post, vale a pena conferir!!
Abraços

Gabriel disse...

Discão!!!
Lembrando que no mesmo ano lançaram o "Beck, Bogert & Appice Live", outro clássico.