Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Black Label Society - Mafia [2005]


O sexto lançamento de estúdio do Black Label Society, banda capitaneada pelo ogro Zakk Wylde, ex-fiel escudeiro de Ozzy Osbourne, é simplesmente belo. "Mafia" foi lançado em março de 2005 pela Artemis Records, um selo independente afiliado à E1 Entertainment e permanece como referência quando o assunto é a trajetória do grupo.

Esse play se trata de uma verdadeira obra-prima metálica. Zakk nunca decepcionou durante sua extensa discografia e colocou sua alma nas composições aqui presentes, inspiradíssimas e certeiras. Aqui, o loirão provou, mais uma vez, que não é um guitarrista qualquer que deu a sorte grande - tem talento de sobra, senso melódico apurado e habilidade tanto nas cordas de aço quanto nas cordas vocais, podendo liderar tranquilamente a parada.

No geral, "Mafia" apresenta um Heavy Metal consistente, sólido e bem puxado para a vertente do Stoner/Sludge, onde tem-se influências moderadas de Doom Metal e Southern Rock. Para os não-adeptos à tais rótulos, basta imaginar uma orgia musical entre os primórdios do Black Sabbath e o Lynyrd Skynyrd.


Entre os itens do cardápio, tem-se vocais graves e quase bêbados de Zakk, guitarras pesadíssimas e com afinações mais baixas providenciadas pela dupla Wylde e Nick Catanese, baixo distorcido e latente de James LoMenzo, linhas de bateria providenciadas por Craig Nunenmacher que altermam entre momentos arrastados e paulados, composições diretas e até mesmo algumas baladas - nada açucarado ou que vá se distinguir do estilo apresentado.

Mais um fato que justifica o quão definitivo "Mafia" é na carreira do Black Label Society se dá por ser o mais bem-sucedido lançamento dos caras, vendendo cerca de 300 mil cópias nos Estados Unidos e chegando à 15ª posição do Hot 200 da Billboard.

Destacam-se as pesadas "Forever Down" e "Suicide Messiah", as cativantes "Fire It Up" e "Death March" e as baladas "In This River" (dedicada ao falecido Dimebag Darrell, apesar de ter sido composta antes) e "I Never Dreamed", a última um cover do Lynyrd Skynyrd. No mais, um baita discão!

01. Fire It Up
02. What's In You
03. Suicide Messiah
04. Forever Down
05. In This River
06. You Must Be Blind
07. Death March
08. Dr. Octavia
09. Say What You Will
10. Too Tough To Die
11. Electric Hellfire
12. Spread Your Wings
13. Been A Long Time
14. Dirt On The Grave
15. I Never Dreamed (Lynyrd Skynyrd cover - Bonustrack)

Zakk Wylde - vocal, guitarra solo, violão, piano, Minimoog, baixo adicional
Nick Catanese - guitarra base, backing Vocals
James LoMenzo - baixo, backing vocals
Craig Nunenmacher - bateria, percussão

Músico adicional:
Barry Conley - efeitos e sintetizadores, piano, Minimoog

(Links nos comentários - links on the comments)

by Silver

13 comentários:

Anônimo disse...

Mafia [2005]

http://www.multiupload.com/FW7E94ORLT

Arucard disse...

Só discordo de você na parte sobre Zakk nunca ter decepcionado na discografia dele... O cara é um dos meus guitarristas favoritos e Mafia é um discaço, mas o seguinte do BLS, Shot To Hell, foi bem fraco.

No entanto o último deles, Order Of The Black, que saiu esse ano é arrasador!!!

Malu disse...

Chorei com In This River, pode me zoar ):

Anônimo disse...

um dos melhores do BLS na minha opinião..qdo saiu acho que era o melhor

R. coelho jr disse...

Esse Disco é bom demais e o cover do Skynyrd (*-*) é muito lindo

Anônimo disse...

otimo disco!!! mr zakk kick ass!!!
vlws!

luxorissa disse...

engraçado é que muita gente que conheço acha este disco fraco,gosto é uma porra mesmo,pra mim é o melhor antes do novo.

Bruno Gonzalez disse...

Eu gosto do Shot To Hell, tem algumas músicas boas. O Mafia, embora seja o ponto alto do BLS na mídia, pra mim não é o melhor, pois eu acho discos como Stronger Than Death e 1919 Eternal bem superiores, mas, de qualquer jeito, é um discasso!

Arucard disse...

Bruno Gonzalez,

Cara, do Shot To Hell só gostei mesmo da Concrete Jungle... O resto não chega a ser ruim, mas não tem mais nenhuma música marcante (minha opinião apenas...). Comparado com demais trabalhos do Zakk, me decepcionou sim.

Mas não canso de enfatizar, o último deles agora, Order Of The Black, tá destruidor! Pra mim o melhor do BLS, empatado com 1919 Eternal.

Gustavo Roos disse...

Baita guitarrista, péssimo vocalista.

Daniel disse...

Não conheço o som do Black Label Society. Mas me interessei pelo nome do álbum..hahah

Vou baixar pra conferir.

Abraço

marcio garcia disse...

q vontade de tomar um johnnie Walker..kkkkkkkk
otimo post

Anônimo disse...

disco fantástico