Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

D.O.A. - Hardcore 81' [1981]

Fazia tempos que queria postar essa lindeza, mas, sei lá porque diabos, não postei até agora.

A história de como conheci o D.O.A. é no mínimo curiosa: quando eu baixei a coletânea "War and Peace", eu nem ia baixar ele na verdade, era outro, se não me engano do Dead Kennedys, até. E eu tinha certeza que tinha pegado o link do disco do DK, mas acabei pegando o do D.O.A, nem sei como. Quando terminou o download e eu vi que não era o disco que eu ia baixar realmente, eu pensei "QUE MERDA", mas resolvi dar uma chance ao disco e achei do caralho! Depois fui procurando outros materiais do D.O.A, e hoje, tenho a discografia no PC, além de ser uma das minhas bandas preferidas.

E não é à toa que é uma de minhas favoritas, esses canadenses do diabo fazem um som muito fuderoso e bem trabalhado, dá um tesão de ouvir! apesar de ser uma banda punk, os músicos tocam pra caralho, principalmente o batera, Chuck Biscuits, que aqui nesse disco faz umas viradas fudidas e toca de maneira fudidamente rápida. Depois esse filho do capeta ia tocar em outras bandas como o Social Distortion, Black Flag, Danzig e mais uma caralhada. A dupla guitarrística Joey Shithead e Dave Gregg também mandam ver, fazendo riffs diretos e matadores vaginas, e o baixista Randy Rampage também se mostra um bom músico, embora eu ache que ele não foi o melhor baixista do D.O.A. Esse cargo pra mim fica por conta do Brian Golble, que era do Subhumans (não confundir com o inglês) e entrou no D.O.A. no álbum "Let's Wreck The Party".

Mas enfim, "Hardcore 81'", de 1981, como o próprio nome do disco já diz, é o trabalho mais conhecido e mais bem-sucedido álbum dos canadenses do D.O.A, sendo considerado um dos álbuns mais importantes da história do hardcore. E, além disso, o álbum ajudou a propagar o termo "hardcore", que até então não era muito usado (muita gente pensa que foi por causa desse álbum que o termo se originou, mas ele já era usado antes, na verdade).

Meus destaques ficam com a abertura matadora "D.O.A.", "Unknown", que considero uma das melhores músicas da banda, "Slumlord", "M.C.T.F.D.", "001 Losers Club" (um chute na orelha!), a clássica e uma das mais conhecidas músicas da banda "Fucked Up Baby" (que mais tarde se tornaria "Fucked Up Ronnie", e mais tarde ainda, "Fucked Up Bush"), e a faixa que fecha o disco em grande estilo, "Waiting For You", com um ritmo nervoso e uma letra genial.

São 14 músicas e 19 minutos do mais puro hardcore/punk. Recomendo à todos os fãs do estilo e considero esse disco obrigatório na discografia de qualquer um que se diga fã de hardcore! Quem não conhece, não perca mais tempo e baixe agora mesmo!

1. D.O.A
2. Unknown
3. Slumlord
4. Musical Interlude
5. I Don't Give A Shit
6. M.C.T.F.D
7. Communication Breakdown (Led Zeppelin cover)
8. 001 Loser's Club
9. Fucked Up Baby
10. The Kenny Blister Song
11. Smash The State
12. My Old Man's A Bum
13. Bloodsucker Baby
14. Waiting For You

Link nos comentários
Link on the comments

Maurício Knevitz

2 comentários:

Anônimo disse...

http://www.mediafire.com/?z1yfqgyi0n1

Anônimo disse...

isso é FODASTICO!!!!!!!
e Subhumans tambem é do caraio!!!!