Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

The Stooges - Raw Power [1973]

Hoje eu venho trazer pra vocês mais um álbum do Stooges. Esse é o terceiro, que sucedeu o já postado tempos atrás "Fun House".

Os Stooges e Iggy Pop dispensam comentários, afinal, todos já ouviram falar deles ou ao menos do seu líder Iggy Pop e suas loucuras, e além do mais, sabemos também da grandíssima influência que esses caras tiveram pra primeira geração punk, e continuam influenciando punk rockers por aí até hoje.

Mas enfim, "Raw Power", como já falei, é o terceiro disco do Stooges, e com certeza, o mais punk de todos. Músicas rápidas, agressivas, solos que berram em seus ouvidos praticamente, e os berros insanos do lendário Iggy Pop. E ainda podemos notar uma influência de glam rock aqui, por causa dos teclados e letras sexistas, mas nada que faça perder a agressividade, até pelo contrário.

Meus destaques vão para MAIS QUE CLÁSSICA "Search and Destroy", a "balada" "Gimme Danger", a faixa-título e a faixa que encerra o disco, "Death Trip", a música mais longa do disco, porém uma das mais agressivas.

Por fim, "Raw Power" é um dos discos que considero mais importantes para a história do punk e acho ele indispensável na discografia básica de qualquer fã do estilo, pois afinal, as raízes do punk estão aqui. Só depois disso viriam os Ramones, os Pistols, o Clash, o Damned e todo o resto.

1. Search and Destroy
2. Gimme Danger
3. Your Pretty Face Is Going to Hell
4. Penetration
5. Raw Power
6. I Need Somebody
7. Shake Appeal
8. Death Trip

Link nos comentários
Link on the comments

Maurício Knevitz

5 comentários:

Anônimo disse...

http://www.mediafire.com/?yy3y5ztmj4m

romulo disse...

belo disco, todos devem possuir!!

faltou uma resenha maior, mas fico show de bola
abraço a todos

Gabriel L. F. Krüeger disse...

Esse é muito foda, apesar de o meu preferido dos Stooges ser o debut. Mas, porra, parabéns cara, a resenha não ficou lá essas coisas mas quem disse que Stooges precisa de muita caracterização? É Stooges e isso já basta.

R. coelho jr disse...

Esse disco é um clássico absoluto, muito bom!!
Belo post.

Maurício Knevitz disse...

Sei que a resenha não ficou lá essas coisas, aliás, não me considero um cara que faz resenhas muito boas. Claro que tem vezes que me inspiro ou tenho mais a falar sobre uma banda e sai algo maior ou melhor, mas o importante pra mim é poder postar o som mesmo pra galera curtir, afinal, só encheção de linguiça enche né :P

Mas valeu pessoal! Postarei o primeiro do Stooges ainda, promessa!