Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Free - Tons of Sobs [1968]


Primeiramente, falar da importância do Free (principalmente para o Hard Rock) é chover no molhado.

Essa instituição do rock'n'roll foi formada em 1968 por quatro adolescentes que não passavam dos 18 anos e, apesar do sucesso ter vindo realmente com o clássico Fire And Water (1970), desde o primeiro trabalho feito por esse time a qualidade era imensa. Tons of Sobs de 1968 foi o debut e é tão bem feito que chega a ser inacreditável que a banda fosse formada apenas por jovens. Talento nato.

O primeirão dos ingleses é Blues Rock puro: feeling tran
sbordando a cada faixa. Aliás, a guitarra de Paul Kossoff foi uma das coisas que mais me chamaram atenção no play; um daqueles "homem-riff", sem dúvidas. A versão que vos trago é uma reedição excelente e cheia de coisas interessantes como bônus.

"Over The Green Hills part I" tem um lirismo impre
ssionante e, apesar de diferir do restante do LP, é excelente. "Worry" tem uma bateria porrada e possui doses bem equilibradas de peso, que não acabam com a essência Blues/Classic da faixa. Paul Rodgers se mostra competente nos microfones, mas um pouco diferente do que viria nas obras posteriores. "Walk In My Shadow" tem riff e refrão que grudaram na minha cabeça. O mesmo para "Wild Indian Woman".


A arrastada "Goin' Down Slow" continua com a competência, e desta vez temos Rodgers investindo um pouco mais nos agudos que passariam a ser uma característica marcante em seus vocais. O piano ganha uma atenção mais especial na composição, fazendo a alegria dos bons amantes do Blues Rock. "I'm A Mover" tem certos toques do Hard (algo que seria bem explorado nos dois discos seguintes) e uma linha de baixo hipnotizante.



"Moonshine" é uma balada com recheio melancólico. A interpretação do futuro Bad Company é impagável e de uma beleza indescritível. "Sweet Tooth" é simplesmente excepcional; ao final, é inquestionável o talento dos caras.

Os bônus são pepitas retiradas de sessões, outtakes e etc. Vale pela curiosidade.

O sucesso não foi conquistado, nem com esse, nem com o auto-intitulado (que também será postado mais cedo ou mais tarde). Mas é genial. Recomendo ao máximo.


Paul Kossoff - guitarra
Paul Rodgers - vocal
Simon Kirke - bateria
Andy Fraser - baixo

01. Over The Green Hills part I
02. Worry
03. Walk In My Shadow
04. Wild Indian Woman
05. Goin' Down Slow
06. I'm A Mover
07. The Hunter
08. Moonshine
09. Sweet Tooth
10. Over The Green Hills part II
Faixas-bônus:
11. I'm A Mover (BBC session)
12. Waitin' On You (BBC session)
13. Guy Steven's Blues
14. Moonshine (alternative vocal)
15. Sweet Tooth (early take & alternative vocal)
16. Visions of Hell
17. Woman By The Sea
18. Over The Green Hills (BBC session)

Por Gabriel

Link nos comentários!
Link on the comments!

8 comentários:

Anônimo disse...

http://www.multiupload.com/PL0JW31GJJ

Eduardo Paiva disse...

Baixando!
Valeu, Gabriel!

AlBassPlayer disse...

Clássico e discografia básica para qualquer um e muito bem vindo.

Anônimo disse...

Nao acredito, um clássico, uma pérola, esses tinha talento, e começaram cedo.
Baixando
Valeu Combe
Valeu Gabriel

Yusef

Anônimo disse...

valeu

Anônimo disse...

Um dos Grandes Dinossauros do Rock!!!!!!!

Bixo disse...

Sempre tive curiosidade com essa banda. Sempre ouvi falar muito bem, curtia as músicas que ouvia, mas nunca soube bem "por onde começar"

Agora já sei. Abraço!

Betão - Nova Venécia(ES) disse...

Onde está o link? O endereço postado direciona para baixar um programa chamado Zoom Downloader, que após instalado pede serial e, consequentemente, pela falta do serial, não funciona. Gostaria de saber onde está o link do cd. Grato!