Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Lynyrd Skynyrd - God & Guns [2009]


Assim como muitos que acompanham este blog, a partir do momento que conheci o Lynyrd Skynyrd comecei a ver música com outros olhos. A primeira vez que escutei Free Bird, eu descobri que aquela seria uma banda que me acompanharia até o final de minha vida. É praticamente impossível não se apaixonar pelo som dos caras e se sentir ainda mais comovido por todas as histórias de adversidades que rondam o grupo desde seu início.

E não nego que assim que fiquei sabendo do lançamento de seu último disco, a ansiedade me pegou de jeito e contei cada segundo até que o mesmo saísse. Mas eu tinha bem em mente que os tempos mudaram, e que não era possível eles fazerem o mesmo som de seu disco de estréia. Mas sabia também que tinha ali o sangue dos Van Zant, bem representado por Johnny e que com essa pedigree era muito difícil sair algo ruim.

Como sempre foi peculiar em toda a carreira do grupo, alguma desgraça teria de acontecer antes do lançamento desse disco. A primeira foi a perda do excelente tecladista e um dos membros originais do grupo, Billy Powell, que em 28 de janeiro de 2009 faleceu de suspeita de ataque cardíaco em sua residência. Não bastasse tal desgraça, em 07 de maio do mesmo ano, o baixista Donald "Ean" Evans que estava desde 2001 no grupo, morreu de câncer também em seu lar. Mas estamos diante do indestrutível Lynyrd, e mesmo com tudo isso, continuou na ativa.


Após recrutar Peter Keys Pisarczyk e Robert Kearns, respectivamente para teclado e baixo, a banda solta o ótimo "God & Guns". Apesar de muitos torcerem o nariz, acusando o disco de modernoso demais ou apelo pop do disco em algumas canções. Mas digo que mesmo com isso, o som que esses caras fazem continua matador e imperdível, e afirmam o famoso dito popular, "quem vive de passado é museu". E sem falar do belo trabalho vocal de Johnny Van Zant, que continua a honrar ao legado da família.

E somos esbofeteados já sem nenhum aviso e nem tempo de respirar com "Still Unbroken", em que é possível mesmo com o peso apresentado reconhecer como uma canção típica do Lynyrd. Temos um desabafo do grupo, que mesmo com tantas adversidades continua vivo e inquebrantável e dá provas disso com esta excelente abertura. Se você gosta de músicas que lembram o velho Lynyrd, "Southern Ways" é quase que uma "Sweet Home Alabama pt.2", onde temos a base desse clássico emprestada para esta canção. A porrada "Floyd" com a participação de Rob Zombie, em que é contada uma história de terror interiorana é outra excelente música em que a modernidade faz muito bem ao grupo.

As baladas se fazem presentes como sempre na linda e triste "Unwrited That Song", em uma letra desacreditada no amor da maneira que a maioria o descreve, como algo perfeito e sem fim. Temos também uma homenagem à Billy Powell na ainda mais bela "Gifted Hands", em uma aula de feeling desses monstros, que sempre foram mestres nesse quesito. Aqui citei apenas as que mais gosto, mas este é um registro que merece ser apreciado do início ao fim sem se pular uma música sequer.

Um disco moderno. Mas quando se sabe dosar as quantidades, é possível ter um trabalho de excelente qualidade. E isso o Lynyrd Skynyrd em qualquer uma de suas formações sabe fazer melhor do que ninguém!



1. Still Unbroken
2. Simple Life
3. Little Thing Called You
4. Southern Ways
5. Skynyrd Nation
6. Unwrite That Song
7. Floyd
8. That Ain't My America
9. Comin' Back For More
10. God & Guns
11. Storm
12. Gifted Hands

Johnny Van Zant - Vocais
Gary Rossington - Guitarras
Rickey Medlocke - Guitarras
Mark Matejka - Guitarras
John 5 - Guitarras
Robert Kearns - Baixo
Peter Keys - Teclado, piano
Michael Cartellone - Bateria

By Weschap Coverdale

20 comentários:

Anônimo disse...

http://www.multiupload.com/J0MDPMZFFW

Leandro disse...

Puta discooooo
um dos 5 melhores de 2009 sem duvida.

R. coelho jr disse...

Isso sim é música de qualidade

a melhor banda do universo, sem comparação..

GrassHoper disse...

Passou da hora de eu ouvir este disco!
Eu tava meio receoso pois sou absolutamente fanático pelos trabalhos das formações clássicas e devido a alguns comentários e resenhas negativos sobre esse álbum não arrisquei nutrir qualquer tipo de desgosto pelo trabalho que fosse desta estupenda banda, deixando de ouvir o play quando foi lançado. Agora lendo o review me sinto tranquilo e sem peso na consciência! Agora sim, vou ver o que eu estava perdendo!

- We're all southern by the grace of God -

BORS disse...

Esse disco é foda pra caralho!

Still Unbroken já vale o download!

jesusbiblio disse...

Pau no cú do Restart!!! Isso é Rock and Roll de verdade !!! Valeu!

Ernesto disse...

O melhor disco do Lynyrd sem sombra de duvida, parabens pelo post

Rodrigo disse...

Esse disco é maravilhoso, vale apena escultar.

Anônimo disse...

Muito bom!!! Conferindo!

Ito disse...

Pau no cú do Restart é refresco até pros caras!!! rsrss, me sinto ignorante por mesmo após tantos anos curtindo Rock, depois do meu primeiro discão que foi do Ted Nugent lá pelos idos de 79 e que mudou minha vida como eu a conhecia ainda não tinha ouvido o som desses caras!!! Baixando, vlw.

GrassHoper disse...

Ouvi o disco e só digo uma coisa: com licença, vou ali me auto-flagelar por não ter ido atrás desse play antes, simplesmente imperdoável o que eu (não) fiz...

caique disse...

eu já sabia desse album, mas nunca parei para escutar

Eduardo disse...

Lynyrd Skynyrd não pode faltar na "discoteca" de ninguem

Weschap Coverdale disse...

É GrassHoper, acho que você deve realmente fazer isso! shahsuhauhshahsah... Pra vc ver como nem sempre se deve acreditar em críticos de revistas moderninhas

Dhiogo disse...

Pau no cú do Restart!!! Isso é Rock and Roll de verdade !!! Valeu! [2]

Petrick Tony disse...

Lynyrd Skynyrd = Joseph Klimber do Rock!

Muito bom album!
Saudações!

Hairbanger disse...

disco mto foda de uma banda mto foda! parabens pelo post!

Anônimo disse...

Muito bom este album, Zakk Wilde deve ter se inspirado muito no som dos caras, du kralho, parabens pelo post.
Ass;CHOPÃO

Lucian disse...

Fala motoristas blz? Caras poderia rolar mais discos da segunda encarnação do Skynyrd, que é muito boa também.

Luan Sammet disse...

Oo, queria curtir o disco, mais o link ta off...kkkk
Vou ter q deixar pra próxima!
vlw galera!