Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Eric Martin - Destroy All Monsters [2003]


Tinha programado essa postagem para semana passada. Mas como o novo do Mr. Big vazou, achei por bem deixar para alguns dias mais tarde. Curiosamente, esse álbum tem uma faixa que se chama... "What If". It's a small world!!!

Quase todas as músicas desse disco poderiam tranquilamente estar em algum do Mr. Big. Obviamente, a abordagem seria diferente, com mais solos e um trabalho instrumental mais trabalhado. Mesmo assim, as melodias se adaptariam com bastante facilidade. Aqui, elas estão em um formato mais simples e direto, transitando entre o Rock e o Pop. Várias poderiam facilmente ser executadas no rádio, houvesse uma divulgação feita por uma gravadora menos underground. Portanto, espere algo bem acessível ao conferir esse play. E isso significa que é um álbum ruim? Muito pelo contrário!

É claro que se você espera por peso, Hard Rock oitentista, bululus estilo Pablo Gilberto e Billy Sheehan e atributos parecidos, melhor passar longe. Mas quem curte boa música independente de rótulos, pode se interessar pelo conteúdo. No lado mais agitado, destaco as excelentes “I Woke Up Too Late”, “Janie Won’t Open” e “Burnn’ In My Mind”. Exemplos de canções sem muitos detalhes, porém muito bem compostas. Da mesma forma, “If” tem alguma coisa que pode até remeter o ouvinte a bandas mais recentes. Não vou colocar os nomes aqui para que ninguém faça um pré-julgamento antes de escutar – e isso fatalmente aconteceria.



Já no campo das baladas, especialidade da casa, as duas estão coladas, nas faixas 6 e 7 do CD. “You’re Too Good For Him” e “Living in Black & White” são de extremo bom gosto, especialmente a segunda, que possui ponte e refrão que grudam na cabeça depois da primeira conferida. A mais diferente de todas é “I Can Die Now”, que chega a flertar com Reggae em sua levada. Mas nada que vá assustar, até porque se você vai baixar, já significa que não é mente fechada. Caso contrário, significa que você gosta de se auto-flagelar.

Eric Martin (vocals, guitars)
David Simon-Baker (guitars)
John Nyman (guitars)
Mark Chole (bass)
Denise Martin (drums)
Taylor Cutcomb (piano)

01. What's the Worst That Could Happen
02. Kansas
03. I Woke up Too Late
04. Janie Won't Open
05. Where Are You
06. You're Too Good For Him
07. Living in Black & White
08. Something There
09. What If
10. I Can Die Now
11. Burnin in My Mind
12. If

Link nos comentários
Link on the comments


JAY

5 comentários:

Anônimo disse...

Eric Martin – Destroy All Monsters [2003]

68 MB
192 kbps

http://www.mediafire.com/?wh5o9s79l72dzms

Taliban Sexy Trucker disse...

Sou meio suspeito pra falar do Eric, afinal como vocalista o admiro mto, mas o fato é que tds os trampos do cara são mto bons, o cara é mto versátil e um intérprete como poucos vistos, ele é foda msm...

Guilherme M disse...

Ele é um vocalista bom, gostei bastante do post e do blog. Gostei ver Van Halen, Aerosmith, Mentrose entre outras bandas que fazem a cabeça da galera.

Muito sucesso e muito rock

Aceitam parceria ?

www.destroyerockcity.blogspot.com

Natan Vieira disse...

Eric Martin nunca medecepciona.
Sem Mais.

Søren. disse...

Melhor álbum do Eric Martin p'ra mim, seguido do primeiro, Sucker For a Pretty Face. Mesmo sendo um Pop Rock, não acho que deixe à desejar no instrumental, solos inaudíveis de "virtuosos idiotas" não têm valor algum.