Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Rage - Unity [2002]


Após uma mudança radical de line-up, o Rage conseguiu estabilidade com a formação que pode ser considerada a melhor tecnicamente em toda sua história. Peter “Peavey” Wagner encontrou parceria perfeita no guitarrista Victor Smolski e no fenomenal baterista Mike Terrana. Mesmo tendo raízes alemãs, naquele momento a banda adquiria raízes multinacionais, com um russo e um norte-americano juntando-se ao líder germânico. Welcome to the Other Side foi a primeira demonstração de força do conjunto. Mas a grande virada positiva na carreira do trio aconteceu mesmo em Unity.

Primeiro, por ter sido o álbum em que assinaram com a Nuclear Blast, ampliando sua distribuição mundial. E segundo, por mostrar uma banda coesa, entrosada, trazendo composições inspiradíssimas. Isso fica claro nas melodias fortes e impactantes, em cada refrão fácil de decorar e, é claro, em todo o instrumental fora de série oferecido pelo trio durante as onze faixas. E o principal é que eles conseguem fazer algo tão acessível sem perder o peso em nenhum momento. Muito pelo contrário, os caras sentam a mão sem dó nem piedade, especialmente Terrana, um verdadeiro monstro com as baquetas.



Abrindo o disco, temos a impecável “All I Want”, perfeita para fazer o fã mais convicto se esgoelar, especialmente no refrão poderoso. A arrasadora “Insanity” segue a mesma linha, com o grupo caprichando na mistura de velocidade e peso. Na seqüência, “Down”, que foi escolhida como single. Um momento superior vem em “Set This World On Fire”, música que ganhou um coral simplesmente espetacular. O coro foi comandado por Hansi Kursch (Blind Guardian) e DC Cooper (ex-Royal Hunt), elevando a faixa a outro patamar de qualidade.

Outros destaques inevitáveis vão para as viciantes “Living My Dream” e “You Want it, You’ll Get it”, outras que se destacam pelo refrão. Como bem disse Cláudio Vicentin em sua resenha para a Roadie Crew – onde o álbum ganhou nota dez, ressalte-se – o Peavey é melhor que Desmond Child para criar refrão. Encerrando o play, a faixa-título, uma bela exibição de virtuosismo dessas feras. Alguns fãs das antigas não se empolgaram tanto pelo fato de o Rage ter deixado a pegada um pouco de lado em detrimento à melodia. Mas o fato é que Unity marca o recomeço de uma banda que poucos anos antes estava com os dias contados. Merecem todo o crédito!

Peter “Peavey” Wagner (vocals, bass)
Victor Smolski (guitars, keyboards)
Mike Terrana (drums)

01. All I Want
02. Insanity
03. Down
04. Set This World On Fire
05. Dies Irae
06. World Of Pain
07. Shadows
08. Living My Dream
09. Seven Deadly Sins
10. You Want it, You’ll Get it
11. Unity

Link nos comentários
Link on the comments


JAY

7 comentários:

Anônimo disse...

Rage – Unity [2002]

69 MB
192 kbps

http://www.mediafire.com/?d3xa9wb502af32p

Dragztripztar disse...

O melhor do Rage! Pra mim fica muito a frente de todos os outros.

Victor Smolski é um dos guitarristas que melhor sabe trabalhar o virtuosismo, e acho estranho ele ser pouco lembrado. O que esse cara faz nesse disco é uma monstruosidade sem fim.

JORJAOFONSECA disse...

Esse line-up do Rage é excelente, músicos de 1ª, não conheço esse cd em particular,tô baixando

Bruno Coqueiro disse...

Álbum bom demais esse. Adoro a forma que os caras da Rage fazem heavy metal.
Valeu Combe.

Músico Amador disse...

Amigo Bruno Coqueiro falou tudo, os caras fazem um Metal muito Phodda !!!!

mgtattoos disse...

Set This World On Fire!!!!!!!!

Victor Klinger disse...

Belo álbum... baixando.