Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Doro - Classic Diamonds [2004]


Comprei essa semana a edição 57 da revista Rolling Stone brasileira, que tem como capa a musa monstro do pop: a senhorita Lady Gaga. Confesso que não ia muito com a cara dela, nem sua proposta musical. Mas depois da matéria, vi que ela tem um quê de roqueira. A certa altura da entrevista com Brian Hiatt, ela solta que é não preciso guitarras pra que algo soe rock n’ roll.


A bem da verdade, alguns momentos do R&B-pop retrô de Born This Way, lançamento dela, foram inspirados - surpreendentemente - pela cover de "Then She Kissed Me", originalmente tocada pelo grupo The Crystals e regravada pelo Kiss, nos idos de 1977.


Não é preciso guitarras para tocar rock... Isso me deixou extasiado, de alguma forma. Com efeito, algumas músicas do CD novo de Gaga têm canções realmente calcadas nas bases do rock clássico como "Marry The Night", "Government Hooker", "Judas" e a própria "Born This Way" – isso, claro, ao se analisar tirando a proposta de agitar a pista de dança.


Se sem guitarras, dá pra fazer rock de qualidade, então falemos da musa excelsa do estilo: Dorothee Pesch. Nesse Classic Diamonds, de 2004, a proposta dela não é o heavy metal em sua essência, ou seja, esqueça o peso! Doro, como é chamada desde tempos de Warlock, quer 'tocar' nos roqueiros mais xiitas – e quem não quer ser tocado por ela?



Com músicas muito bem arranjadas pela Classic Night Orchestra, as releituras de canções da antiga banda e da carreira solo ainda contam com a presença, numa das músicas, do baixinho invocado Udo Dirkschneider, do lendário Accept. A versão que os germânicos fizeram para “Breaking the law” está simplesmente um brinco.


E falando em germânicos, a língua alemã também é cultuada nesse play com a épica “Für immer” e “Tausend mal gelebt”. Mais destaques para “I rule the ruins”, que abre o disco com os violinos de Hye-sin Tjo. Logo, a bateria de Wolf Simon e o baixo de Claus Fischer entram e cozinham tudo, com classe.


“Metal Tango” é uma ótima sequência, que faz até mãe anti-rock se balançar um pouco. Notas 10 também merecem as releituras da loira pra “All we are”, “Burn it up” e as lindas “Let love rain on me” e “Love me in black”. Há duas faixas bônus nesta edição do Brasil: “Always live to win”, que é ao vivo, e “She’s like thunder”, esta última dedicada à boxeadora alemã Regina Halmich.


E é isso. Pra quem espera sempre de Doro só pancada, é melhor nem comprar este CD. Ela já mostrara seu lado sentimental em vários outros momentos com baladas como “Children of the night”, “Enough for you” ou a cover “A whiter shade of pale”. Esse é o lado que muito poucos fãs desbravaram no âmago de Doro. Ainda dá tempo de rever algumas joias em preto e branco. E lembre-se do que Lady Gaga disse...


01. I Rule the Ruins
02. Metal Tango
03. Breaking the Law
04. All We Are
05. Für Immer
06. Let Love Rain on Me
07. Burn It Up
08. Tausend Mal Gelebt
09. I’m in Love With You
10. Always Live to Win* **
11. Undying
12. Love Me in Black
13. She’s Like Thunder*


* faixas bonus

** Outros músicos tocam nessa track: Joe Taylor (violões), Nick Douglas (baixo), Johnny Dee (bateria), fora o pianista e o 'violeiro' Hacki do line up original.


Doro Pesch – vocais
Klaus “Major” Heuser - violões
Hacki – violões
Wolf Simon – bateira
Claus Fischer – baixo
Oliver Palotai – piano


(A Classic Night Oschestra tem inúmeros músicos em violinos, trompetes, trombones, percussão e tudo o mais, o que impossibilita a relevância se digitado o nome de todos aqui.)



Por Breno Airan Meiden

35 comentários:

Anônimo disse...

link - http://www.multiupload.com/TN8Z2ECGV8

Deckard disse...

Cara, Frank SInatra era mais rock'n'roll do que a maioria dos bundões dessas bandinhas novas por ai. Tem gente que só quer aparecer, mas é tudo descartavel. Com o tempo ninguem vai lembrar deles. Tem uma lista enorme de doidões que não faziam rock ou heavy metal. Lembra do Tim Maia? Quem era mais maluco: Tim Maia ou Restart? Falar de Lady Gaga pra querer promover mais lixo sonoro descartavel... sou mais a Madonna.
Quanto a Doro... maravilhosa.

Renan Stark disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Weschap Coverdale disse...

Renan, não fui eu que fiz a postagem, mais uma vez vou entrar no mérito desta interminável discussão: E quem disse que para ser rock tem de ter crítica social? Isso é papo de punk de boutique, que critica a sociedade e logo depois está pedindo pra mãe levar ele para o McDonalds.

Temos bom exemplos dentro do rock de bandas que visavam apenas o lado comercial da coisa. Quer exemplo melhor que do Kiss, em que Gene Simmons diz para quem quer ouvir que ele gosta é de dinheiro? E quantas bandas foram movidas a existir apenas para ganhar grana? Ou você acha que todos são bons samaritanos que gostam de música?

Olha, concordo com sua opinião quanto a Lady Gaga, além de achar que ela é uma cópia mal feita da Madonna, mas até aí querer que tenha críticas sociais para ser rock é coisa de roqueiro cabeça fechada e imaturo, que é infelizmente a grande maioria.

Weschap Coverdale disse...

E outra, Chico Buarque é chato pra cacete! shauhsuahuhsahu

Jay disse...

Bandas com "críticas sociais" são as mais chatas que existem. 99% não faz a mínima idéia do que está falando, apenas acharam uma causa e a abraçaram. É que nem os soldados, que simplesmente são mandados para guerras e nem sabem do que se trata.

Como diz o grande sábio e filósofo contemporâneo Homer Simpson: "Astros do Rock tem que cantar sobre beber, se embebedar e tomar porre".

E Chico Buarque é chato pra cacete. Não como músico (conheçopouco para um julgamento mais completo de sua obra), mas como pessoa. Ele e o Caetano se acham as pessoas mais importantes do país e se sentem autorizados a dar opinião sobre tudo. Sem contar que ele faz o estilo rabugento reacionário, não gosta de nada e de ninguém.

Anônimo disse...

Chico Buarque é Rock 'N Roll?HAHAHAHAHAHAHAHA. Música de burguesinho pseudo intelectual metido a revolucionário marxista? Só por isso é rock? Dar "enfase ao paganismo"(WTF?)é errado? Rock 'N Roll é dar enfase ao cristianismo? Você está claramente confuso, amiguinho. SABIA que teria tr00s e roqueiros "rebeldes" criticando a citação da famosa cantora pop. Isso de fato afeta vocês diretamente? Get a fuckin' life. Chico Buarque.HAHAHAHAHAHAHA.

Anônimo disse...

Chico Buarque? Epic fail EXTREME.

Anônimo disse...

Quem coloca paganismo num mesmo pacote que consumismo e homossexualismo só pode não entender nada de paganismo ou ser um completo imbecil. Ou provavelmente ambos. Você acha mesmo que na musica pop exista real glorificação do mesmo? TSC TSC. Para de ouvir Iron Maiden e tente ler um livro.

Renan Stark disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Renan Stark disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jay disse...

Entenderam? Roqueiros de verdade só vão no bar! Nada de assistir um AC/DC ou Pink Floyd num estádio para cem mil pessoas. Isso não faz de vocês um "real"! Hail, brothers!!!

Jay disse...

Vocês, que estão na internet, baixando discos, não são "real brothers and sisters"! Death to the false ones!!!

Renan Stark disse...

Ta bom então, apenas coloquei minha opnião, dexe queto, nao comento mais nada no combe a partir de hoje, vou voltar a ser o sangue-suga como muitos porae.
Desculpe se ofendi alguém , fã ou não de Lady Gaga.

Jay disse...

Moleques cagados, sempre apagando o que escrevem após arrotar "regras".

Como diz o bom e velho Vitão Bonesso: "esse negócio de ser 'true' e depender da comidinha da mamãe, da roupinha lavada, do carro do papai, é mole...".

Alô, você, que gosta de ficar ditando regras sobre como ser ou não ser roqueiro em sua turma: cate um serviço antes. Vá carpir um pátio, tarefa que dignifica o ser humano.

Weschap Coverdale disse...

Renan o problema não é comentar, mas se for pra vomitar besteiras como essas, vai ser linchado aqui. Sim, porque se postamos aqui algo diferente, somos falsos roqueiros, farofeiros e qualquer outro tipo de merda.

Mas a sua atitude de apagar os comentários só confirma o que falei no comentário anterior: "mas até aí querer que tenha críticas sociais para ser rock é coisa de roqueiro cabeça fechada e imaturo, que é infelizmente a grande maioria."

Apagar os comentários só mostra a falta de caráter que ocorre com muitos dos leitores e que nos faz muitas vezes querer jogar merda no ventilador e só prestam para ser sanguessugas.

Porque estes mesmos sanguessugas não aparecem para comentar quando gostam dos discos postados? É esse tipo de leitor escroto que reforça a idéia de largar de postar links para download e só abranger leitores que realmente dêem valor a uma boa leitura e gostem de usar um pouco os neurônios antes de falar qualquer tipo de merda

Breno Airan disse...

Obrigado pelos elogios pela resenha e tal. Mas quem falou em porra de Chico Buarque? Pelo que notei nesse rosário de comentários a discussão não é sobre a dona do post e, sim, Lady Gaga ou roqueiros-chico-buarques, se é que me entendem. Rock não é algo de todo culto. Se quiser algo assim, vá escutar música clássica - mesmo sem saber o que seria um solfejo. Eu sabia que ao citar a atual rainha do pop, alguns aqui iriam abrir o bocão. Era a minha intenção mesmo. Mas o novo cd dela, da Gaga, sem brincadeira, está diferente. Com nuances verdadeiramente rockísticas. E outra: sejamos mais razoáveis - o mal de todo roqueiro xiita e esquizofrênico é achar que é "o foda" e fingir que nunca gostou de Backstreet Boys.

Anônimo disse...

O que você faz quando vão contra o seu ponto de vista? Argumenta? Não, deleta o post. TSC TSC. Moleque é uma merda mesmo.

Silver disse...

Eu nem li o que ele disse, mas como levar a sério alguém que digita "dexe" e "opnião"?

Pode continuar sugando. Os acessos continuam crescendo. :)

Ricardo Brovin disse...

Na minha humilde e sincera opinião Rock N' Roll é a música ou ato gerador de polêmica e inquietação social. Foda-se rótulos e esse banda de chatos que não provocam nada em ninguém. O post pra variar foi de ótimo gosto e qualidade, coisa que alias é rotina na Combe!!!Parabéns mais uma vez...

Luiz Eduardo disse...

O posto foi de "ótimo gosto e qualidade"? OK, mas me diga qual polêmica e inquietação social" uma artista como a Doro gera? Acho que essa garotada mais nova que está entrando no mundo do Rock/hard/metal tem que olhar mais para o seu interior ao mesmo tempo que observam o mundo que lhes rodeiam enquanto formam suas opiniões. E enquanto isso, se absterem de emitir comentários tão escandalosamente contraditórios, sem sentido e patéticos como esse.Sua maneira de interagir com o mundo e a vida deve vir de dentro de você, não da música que você ouve, dos artistas que admira ou dos movimentos sociais coletivos( as famosas tribos) que você eventualmente faça parte. Pare de cobrar de terceiros e cobre de si mesmo e das suas atitudes. Chega de hipocrisia adolescente.

Jay disse...

Acreditam que agora tem gente achando que meu MSN é depósito de lixo? Pelo amor de Dio...

Ito disse...

Rock é lierdade acima de tudo, se o cara quer criticar o sistema ou apoiar uma causa não tem nada melhor q o rock, faz-se oq quer e ouve quem quer ok, o lance do Gene é aquele né, nunca vi ninguém mais mercenário, ele diz sim q o negócio dele é grana mas pra ganhar a grana ele fez coisas bem feitas, alguém discorda? rsrs. Vlw aí pelo post.

ZORREIRO disse...

Se considerarmos que o pai do metal foi Richard Wagner e seus cellos from hell (como disse Coverdale), de lá pra cá cada um escuta o que quer.
Aliás, hoje tá frio. Amanhã pode não estar.
O salário mínimo é uma mixaria e fresco só na peixaria.
Como é bom esquecer o tema da discussão.
Vou abrir mais uma gelada e continuar ouvindo a gostosa Doro.
Ah! Grande post!

Renan Stark disse...

Zorreiro, tu é foda, sou seu fã guri.

Ricardo Brovin disse...

Sr. Luiz Eduardo:

1ºNão sou Adolescente, tenho 30 anos bem vividos e aos 4 anos tive meu primeiro contato com o Rock.
2ºGosto é que nem cu meu irmão, cada um tem o seu e por sinal o merece.
Você deve ser mais um daqueles xiitas insuportáveis e com baixo nível tanto de educação quanto no que se refere ao comportamento!
E outra velho não gostou vai assistir o programa do Raul Gil!!!!

Luiz Eduardo disse...

Sra. Ricardo Brovin
1- "Moleque" se refere à idade mental, não à física, o que parece especialmenta aplícavel ao seu caso.
2 - Você inclui a Doro nos artistas geradores de polêmica e inquietação social (o que supomos por ter achado que o post foi de "ótimo gosto e qualidade"), seguido de um intelecualmente elaborado "Foda-se rótulos e esse banda de chatos que não provocam nada em ninguém" e eu sou o "xiita insuportável e com baixo nível tanto de educação quanto no que se refere ao comportamento"? Você não se sente tão idiota em ser tão contraditório e vazio em suas pesude idéias? Raul Gil? Pare de projetar os esqueletos no seu armário em outros para se sentir menos diferente e não tão patético! A sua meneira de defender seu ponto de vista é partir para o "Argumentum ad hominem"? Aliás, você sabe o que é isso? É claro que não, não é? Consultar Wikipédia não vale hein? Você pode ter 50 anos e ser um moleque idiota de merda, o que podemos claramente observar em sua resposta deveras patética. ;-)

Anônimo disse...

Ué bichona stark, você não disse que não ia postar mais? Realmente, o peixe metaleiro imbecil morre pela boca. Depois de pivete que não é homem de sustentar as própias palavras,agora é fanboy bootlicker?

Renan Stark disse...

Pra mim anônimo não é gente e não merece o som que ouve, mostre sua cara e ai sim podemos conversar como homens, do contrário, o bicha seria quem fica escondendo a cara ao invés de mostrar sua face e assumir o que fala, xingar os outros pelas costas é bem fácil né. mas não vou continuar usando este post da gostosa Doro para estes tipos de discussões. E se não gostou, vem aqui e vamos resolve esse negócio na porrada mermão.
haiushiuahsiuhauihshuais

Renan Stark disse...

Alias, metaleiro? Eu? Realmente, tu não me conhece rapaz, me chame de country boy ou fazendeiro que pega melhor, sou mais ouvir um Neil Young do que ouvir Iced Earth.

Renan Stark disse...

OBS: Breno, realmente, se sua intenção era que este post rendesse opiniões divergidas, ta dando certo, ta mais parecendo um ringue de briga, pobre Doro.

Breno Airan disse...

Homi, vocês tão tudo é bebo!

Weschap Coverdale disse...

Homi, vocês tão é tudo bêbado! (2)

Ricardo Brovin disse...

Luiz Eduardo o senhor sim é patético alimentando esse tipo de discussão !!!! so para não deixar passar em branco...vai tomar no seu cu!!!!

Ricardo Brovin disse...

E outra meu irmão essa é a minha opinião sobre a cantora e gostosa Doro de quem tive o prazer de assistir um ótimo show. Coisa que acho que o senhor ainda não teve a oportunidade, mas assim é a vida. Respeito sua opinião mas não deixo de te achar um cuzão!!!Parabéns pela polêmica, foi ótimo discutir com um verme pseudo intelectual como o Senhor!!!!