Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

The Rotted - Get Dead Or Die Trying [2008]

Se depender de bandas como essa, os porões do mundo inteiro ainda terão podridão para séculos sem fim!

O Gorerotted foi formado em 1997 na sempre metálica Inglaterra. Tocando um bom death metal, a banda lançou bons discos como Only Tools And Corpses [2003] e A New Dawn For The Dead [2005] além da ótima demo Her Gash I Did Slash [1998], puxada mais para o infame goregrind. Em 2008, a banda trocou o nome para The Rotted e o vocalista Ben McCrow, acompanhado do batera Nate Gould, o baixista e vocalista Phil Wilson e o fantástico guitarrista Tim Carley, todos parceiros de Gorerotted, produziram um dos mais inpirados e insanos discos de death metal da atualidade: o brutal Get Dead Or Die Trying.

A bolacha, lançada em 30 de junho de 2008, é um tridestilado do death metal moderno; um maravilhoso trabalho tanto instrumental como lírico além da tirada fenomenal no título do disco (modificação do título de um dos discos do rapper 50 Cent, o Get Rich Or Die Trying), que, no caso da canção do The Rotted, fala sobre o desespero e a descrença de um completo viciado.

A partir do toque no play, os pouco mais de 38 minutos de audição insana passam voando. O início com o tapa na cara de Nothin' But A Nosebleed e os gritos sobre a clássica história de O Médico e o Monstro contidos em The Howling é mais que obrigatório em qualquer sessão de saravá Brasil a fora, destacando The Howling pelos berros de Ben McCrow e o tratamento fenomenal que há nas letras sobre a história do frágil dr. Jekyll e o seu alter-ego selvagem, mr. Hyde.


A Return To Insolence, a faixa seguinte, é uma das mais geniais canções já criadas pelo estilo atualmente; contando com os 'blast beats' do batera Nate Gould em meio de riffs semi-melódicos numa das seções da música. Kissing You With My Fists possui uma letra furiosa e tensa, com trilha sonora idem; porém, Angel Of Meth, que possui um maravilhoso solinho à lá Slayer, é um convite ao mosh mais próximo de você. A tranquila e atmosférica instrumental A Brief Moment Of Regret mostra a versatilidade da banda e dá algum tempo para o ouvinte dar uma respirada e tomar aquele paracetamol esperto, para quebrar o pescoço novamente com uma das melhores faixas do disco: a sinistra The Body Tree.

A faixa-título, que possui um lick de baixo FENOMENAL no início, é, na opinião deste uploader, a que possui melhor conteúdo lírico do disco. Num disco que fala sobre violência, sociedade, drogas e decadência, a faixa-título se destaca no meio das demais por trabalhar muito bem a temática das drogas e a decadência em especial; possuindo como trilha sonora riffs cortantes dos guitarristas Tim Carley e John Pyres unidos ao baixo furioso de Phil Wilson, com direito a pequenos 'breakdowns' no decorrer da canção. It's Like There's A Party In My Mouth (And Everyone's Being Sick) é dedicada ao álcool e os seus efeitos do consumo excessivo intencional, uma verdadeira paulada, que dá espaço para o 'deathpunk' de Fear And Loathing In Old London Town; que assim como Nothin' But A Nosebleed, The Howling e Angel Of Meth é bastante chiclete principalmente pelo refrão, que faz qualquer nego sair cantando por aí e pode ser ouvido sendo cantarolado por 9 de cada 10 pedreiros nas obras por aí.

O disco termina lá no alto, com uma ótima versão para a peça ''In The House - In A Heartbeat'' que consta na trilha do filme 28 Days Later. Resumo da ópera: o debut do The Rotted é 120% de 100%, seguindo a cartilha de grupos como Napalm Death, Benediction e até mesmo com uns toques de Fear Factory porém, mantendo tudo bastante original e com pitadas de modernidade sem deixar de ser uma pedrada old-school. Download obrigatório!

Tracklist:
01 - Nothin' But A Nosebleed
02 - The Howling
03 - A Return To Insolence
04 - Kissing You With My Fists
05 - Angel Of Meth
06 - A Brief Moment Of Regret
07 - The Body Tree
08 - Get Dead Or Die Trying
09 - It's Like There's A Party In My Mouth (And Everyone's Being Sick)
10 - Fear And Loathing In Old London Town
11 - 28 Days Later

Line-up:
Ben McCrow - Vocais
Tim Carley - Guitarra
John Pyres - Guitarra
Phil Wilson - Baixo, vocais
Nate Gould - Bateria

(Links nos comentários - links on the comments)

By Alvaro Corpse

8 comentários:

Alvaro Corpse disse...

The Rotted - Get Dead Or Die Trying [2008]:

http://lix.in/-87c781

Anônimo disse...

Não conheço, mas vo baxa
fui convencido pela resenha, rssrsrs

Isaac disse...

A Combe indica a gente baixa...
Sempre bons conhecer bandas diferentes

eightendeaths disse...

hehe eu tamen rs, gostei da banda só pela resenha!
falou que é foda então é.

Anônimo disse...

Se tá aqui, deve ser bom...OBRIGADO!

R. coelho jr disse...

Banda extremamente foda

consegue perfeitamente unir o old school e o moderno

parabéns pelo post!!!

babalu disse...

num nivel extremo....direto...brutal....100% mosh motherfucker...

Fabinho disse...

Isso é paulada na orelha das boas.