Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Castle Donington Monsters of Rock [1980]


A primeira edição do lendário Castle Donington Monsters of Rock, realizada no dia 16 de agosto de 1980, mudou definitivamente a história dos festivais do gênero. A idéia ganhou vida graças à audácia de um cara chamado Paul Loadsby, que decidiu criar o evento de verão definitivo para os fãs de guitarras estridentes. O autódromo de Donington Park, na Inglaterra, recebeu um público estimado em 35 mil pessoas para conferir apresentações de alguns dos grandes nomes do Hard Rock/Heavy Metal do momento. Mal sabiam os presentes que estavam participando do início de uma verdadeira lenda.

Para animar a festa, uma escalação da pesada. A atração principal era o Rainbow, que faria no evento seu último concerto com Graham Bonnet nos vocais e Cozy Powell na bateria, encerrando a turnê do álbum Down To Earth. Judas Priest e Scorpions eram os próximos em importância, ambos vivendo momentos gloriosos, respectivamente com os discos British Steel e Animal Magnetism. Completavam a lista os então novatos do Saxon (que tomaram o palco de assalto e chamaram a atenção de todos que ainda não os conheciam), o April Wine, Riot e Touch – que protagonizou o momento pitoresco quando um de seus membros acidentalmente engoliu uma abelha durante o show.

Todos os concertos tiveram gravação da BBC Radio. Os melhores momentos foram compilados e lançados em vinil nessa coletânea – que curiosamente, só saiu em CD no Japão e de maneira, digamos, clandestina. A exceção foi o Judas Priest, que por desacertos com a gravadora, acabou ficando de fora do documento. O grande mico da empreitada fica para o nome do álbum, que acabou saindo com uma letra n a mais em Donington – e me desculpem, mas coloquei da maneira correta no título do post, pois sou muito detalhista para compactuar com uma cagada dessas. Mas é um pormenor quando temos a oportunidade de conferir o conteúdo sonoro, que é de primeiro nível.

Apenas Rainbow e Scorpions comparecem com duas músicas, enquanto os outros contribuem com apenas uma faixa cada. Abrindo o play, a clássica das clássicas “Stargazer”, música que possui a cara de Ronnie James Dio, apesar de Graham não fazer feio. O grupo de Ritchie Blackmore ainda voltaria com o hit “All Night Long”. Já os alemães comparecem com duas pedradas, “Loving You Sunday Morning” e “Another Piece of Meat”, matando os adeptos do coração. Outros destaques para Biff Byford e companhia, quebrando tudo em “Backs to the Wall” e o bom e velho Riot, encerrado com “Road Racing”. Vale o download!

01. Stargazer (Rainbow)
02. Loving You Sunday Morning (Scorpions)
03. Another Piece of Meat (Scorpions)
04. Backs to the Wall (Saxon)
05. All Night Long (Rainbow)
06. I Like to Rock (April Wine)
07. Don’t Ya Know What Love is (Touch)
08. Road Racing (Riot)

Link nos comentários
Link on the comments


JAY

9 comentários:

Anônimo disse...

Castle Donington Monsters of Rock [1980]

73 MB
224 kbps

http://www.mediafire.com/?fnbomca8trasdbs

Jp disse...

Estava pensando hoje mesmo nesse festival. Grande post Jay!

Anônimo disse...

E pensar que o Saxon já foi novato...
Grande post

AlBassPlayer
Curitiba

jantchc disse...

gde post..

eu adoro o rainbow, não conheço o saxon, mas passarei a conhecer..

HellBanger disse...

muito bom o set list desse show... e a qualidade é aplausível

boa combe!

Anônimo disse...

Muito engraçado esta postagem. Eu sempre ia no centro de Porto Alegre, em 1983, e via este disco. Na época era disco mesmo.
Até hoje acho confusa esta capa. Ver este disco aqui hoje, parece como ver uma foto de um time jovem. Tu ficas olhando e pensando: - Este jogador ficou famoso, aquele sumiu... e jogava tão bem. A vida é assim mesmo. O Rainbow virou a ex-banda do Dio. April Wine, Riot e Toch sumiram. Saxon teve vida longa e o Scorpions triunfou magnificamente. E...lá se vão todos estes anos. Abraço a todos da Combe. Aos caras que escrevem as resenhas, mais uma vez, parabéns!!! Ao que comentam, também!!! Feliz Natal a todos, se não nos falarmos mais.

Anônimo disse...

Puxa vida,eu sabia que existia uma versão oficial do Bonnet cantando STARGAZER mas não lembrava aonde, esses dias revendo minhas revistas antigas achei a critica desse disco e fiquei aliviado ao saber que não estava delirando.Fui procurar o disco então e dei de cara com ele aqui.Então só tenho que agradecer pelo post, obrigado e abraços.ART.

Jeff Celestino disse...

Hei manim, que pérola essa do Riot heim... To levando pra montar meu "colar" la no meu blog rsrsrs...
Parabens pelo blog amigos, o meu ficou um tempo em Off mais to voltando agora pra ajudar a comunidade Blogueira a divulgar cultura pra esse povo.
Abraço, se possivel me visite ok.

Anônimo disse...

Na epoca era jovem fui ao primeiro rock rio, tinha este vinil, por uma bobeira da vida vendi esta joia, agente faz merda na vida e so depois se arrepende......este vinil fez parte da minha juventude...putz