Lembre-se

Comentar em alguma postagem não irá lhe custar mais do que alguns segundos. Não seja um sanguessuga - COMENTE nas postagens que apreciar!

Os links para download estão nos comentários de cada postagem.

Acesse: www.vandohalen.com.br

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Kiss – Animalize Live Uncensored [1984]


No 20° aniversário do falecimento de Eric Carr, só nos resta a saudade. O baterista que esteve no Kiss de 1980 até 1991 era dono de um grande carisma e raro talento não apenas na batera, como também nos vocais. Em dez anos de atividade com a banda – esteve internado durante boa parte de 1991 –, gravou sete discos e fez mais de 800 shows pelo mundo afora.

Essa postagem traz o registro de um concerto importante em meio a essa infinidade acima listada. Após tanta instabilidade, o Kiss parecia estar ganhando forças novamente. O novo álbum, “Animalize”, estava batendo recordes de vendas e se tornou, rapidamente, o mais vendido desde “Alive II”, de sete anos atrás.



Com a popularidade de volta, os ex-mascarados encararam, no dia 8 de dezembro de 1984, uma apresentação na arena Cobo Hall, consagrada por ter sido palco do clássico “Alive!”, de 1975. No mesmo dia, o guitarrista Bruce Kulick, que permaneceu até 1995 na line-up, foi oficializado publicamente como integrante da banda, em substituição a Mark St. John, diagnosticado com síndrome de Reiter.

Nessa noite, o Kiss funcionou melhor do que nunca. O performático Paul Stanley estava a mil por hora, cantando muito e se portando como um rockstar nato. Apesar de perdido no aspecto visual, Gene Simmons manda muito bem. Inspirado, Bruce Kulick debulha as seis cordas e Eric Carr é um baterista muitíssimo acima da média: tem uma pegada monstruosa e velocidade atípica entre os instrumentistas do gênero.



O concerto foi registrado pela MTV e aproveitado para o lançamento de um VHS no ano seguinte, em 1985, o que dispensa comentários em relação à qualidade de som deste arquivo. O curioso é que uma versão em DVD nunca foi lançada de forma oficial. A única disponível em todo o mundo é uma bootleg (supostamente ilegal) de origem brasileira, comercializada sem problemas em várias redes de supermercado e bancas de jornal no Brasil.

A capa do DVD “quase-oficial”

O repertório foi muito bem escolhido, com clássicos aliados às músicas mais recentes do grupo. Entre os destaques, estão as raras Under The Gun e Thrills In The Night, pouco executadas até mesmo durante essa turnê; as excepcionais Black Diamond e Young And Wasted, que contam com os vocais de Carr; a paulada War Machine, com incrível performance de Kulick; e a sempre sensacional Love Gun. Vale a pena!

01. Intro
02. Detroit Rock City
03. Cold Gin
04. Creatures Of The Night
05. Fits Like A Glove
06. Heaven's On Fire
07. Thrills In The Night
08. Paul Stanley's Guitar Solo
09. Under The Gun
10. War Machine
11. Eric Carr's Drum Solo
12. Young And Wasted
13. Gene Simmons' Bass Solo
14. I Love It Loud
15. I Still Love You
16. Love Gun
17. Lick It Up
18. Black Diamond
19. Rock And Roll All Nite

Paul Stanley – vocal, guitarra
Gene Simmons – vocal, baixo
Bruce Kulick – guitarra
Eric Carr – bateria, backing vocal, vocal em 11 e 17

(Links nos comentários - links on the comments)

by Silver

10 comentários:

Anônimo disse...

Kiss – Animalize Live Uncensored [1984]
(71,5mb ~ 128kbps)

Download link:

http://www.multiupload.com/DF6GS2TD3B

Jay disse...

Tenho esse DVD, com as gloriosas legendas que transformaram "Cold Gin" em "Vai, Gene!".

Victor Klinger disse...

Não pode faltar na coleção. Valeu.

Caue Machado disse...

Tenho, ou tinha esse DVD (creio que fiz a maior cagada da vida ao emprestá-lo).
É aquele com o nome do Gene escrito errado na capa, não?

Sensacional descreve esse registro!

AlBassPlayer disse...

Ah, boas lembranças! Vi este vídeo através de uma fita VHS importada que um amigo meu emprestou de um amigo de um amigo dele que era rico e fazia inveja para todos no colégio desfilando com artigos importados do Kiss. Detalhe que o videocassete do pai do meu amigo tinha sido comprado através de consórcio (rs). Bons tempos, mas muito difíceis para quem curtia Rock. Além do mais, gravamos o áudio em um gravador tosco com o microfone direcionado ao autofalante da televisão (mono). Quem disse que pirataria começou agora?
Hoje, tb tenho este DVD e quando bate a nostalgia daquela maravilhosa década, coloco a todo volume e viajo no tempo. Excelente post!

Isaac disse...

O KISS sempre vai ser uma das minhas bandas favoritas. Grande Post!!!

Anônimo disse...

valeu!

Dynasty disse...

Parabens pelo post.

Perdi a conta de quantas vezes vi esta "fita cassete". Mudou a minha forma de ver o rock pesado. Nós não tínhamos a noção de quanto o heavy pode ter um astral legal.

Ahh, não posso deixar de comentar. Paul Stanley erra a letra em Detroit logo no início do show. Canta errado a parte final.

Vale a pena conferir.

Abraço a todos. Mais uma vez, parabens pelo post.

Stypp Harder disse...

só digo:

baita post!!!!

Gabriel disse...

A capa tem o nome do Gene E o nome do Carr escritos errado.